sexta-feira, 20 de maio de 2022

Fame Audition


Ainda na busca pela fama a novata Madonna procurou várias maneiras de conseguir a sua chance. Em 1982 ela participou das audições para uma série baseada no filme Fame de 1980.

Nesse curioso vídeo lançado no especial Evolution pela VH1 em 2001 nossa estrela se apresenta e diz que tinha 21 anos (24 anos na realidade) e que estava em tour com seus dançarinos e que tinha uma música tocando nas rádios, Everybody.

Madonna tem uma interpretação "rígida" no teste e não foi escolhida. Mas, determinada, chegou ao estrelato pouco tempo depois.




 

segunda-feira, 16 de maio de 2022

Madonna and Love: Dan Gilroy 1979/1980



Dan Gilroy e Madonna se conheceram em 1979 e logo começaram a morar juntos. Dan morava em uma antiga sinagoga com seu irmão Ed Gilroy.

O local também servia como estúdio para eles. Dan ensinou Madonna a tocar guitarra, bateria e a compor músicas.

Posteriormente eles formaram a banda Breakfast Club e um tempo depois ela o convenceu a cantar as próprias músicas. Em 1980 Madonna deixou a banda e formou a

 Emmy And The Emmys.



quarta-feira, 11 de maio de 2022

Madonna no Cinema: A Certain Sacrifice (1985)

 

Um Certo Sacrifício (do título A Certain Sacrifice) é um filme gravado entre 1979 e 1981 com câmera Super 8mm. Um drama dirigido por Stephen Lewicki e estrelado pela então desconhecida Madonna Cicconi (com I mesmo, segundo os créditos). Jeremy Pattnosh e Charles Kurtz também tem papéis de destaque. Angie Smith, colega da banda The Breakfast Club também participou, como uma das escravas da personagem principal. O diretor tinha apenas 25 anos nessa tentativa de ganhar um chance no cinema.

O filme tem uma linguagem crua, experimental, bem underground, produzido em New York com apenas US$ 20.000. Madonna ganhou apenas 100 dólares enquanto o resto do elenco não era remunerado, esse valor foi dado porquê o diretor que ajudá-la a pagar o aluguel atrasado. Tudo muito amador, experimental mesmo. Toda a montagem do filme ficou a cargo do diretor e do ator Jeremy Pattnosh, que também produziu as músicas do filme.

Após ver o anúncio do diretor procurando por atrizes, Madonna escreveu uma carta de 3 páginas para ele, a mesma servia como curriculum e também uma espécie de desabafo, Madonna comenta sobre seus sonhos, fracassos e o amor pela arte. Madonna foi rapidamente contratada.

Devido ao baixo orçamento o filme demorou 2 anos para ser finalizado e acabou engavetado até que aquela completa desconhecida com atitude que ganhou o papel principal, a tal Madonna se tornasse uma estrela em 1985, com dois álbuns e uma tour de sucesso e lançando um filme com grandes elogios chamado Procura-se Susan Desesperadamente. Era o momento mais oportuno para A Certain Sacrifice ser lançado.

Madonna ficou louca por isso e processou Lewicki, o mesmo a convidou para assistir o filme em sua casa. Madonna ficou assustada, não com a qualidade do filme ou as cenas de nudez mas o que lhe espantava era justamente sua atuação. Ela não queria que nada estragasse o sucesso que estava tendo no momento. Com isso Madonna ofereceu ao diretor apenas U$ 5000 que obviamente não aceitou esse valor irrisório.

O lançamento do filme aconteceu em 18 de Dezembro de 1985 e mesmo devido a qualidade do mesmo, gerou um buzz no momento. Ficou algumas semanas em algumas salas pequenas de cinema e logo foi lançada em VHS sendo vendida como água, foram mais de 50 000 cópias na primeira semana.  O diretor ganhou seus 15 minutos de fama e sumiu, sendo visto pela última vez no documentário Madonna Exposed de 1993.

Mesmo com os problemas (ou publicidade) que Madonna trouxe a ele, o diretor se rende ao charme da agora estrela, ele disse "Essa mulher tem mais sensualidade no ouvido do que a maioria das mulheres tem em qualquer lugar do corpo".

A história do processo é confusa tanto quanto o filme, Madonna ou seu empresário na época Freddy DeMann realmente queriam evitar a distribuição? Madonna perdeu o processo mas ganhou publicidade novamente e assim Madonna se tornava um nome ainda maior em 1985.

Enredo (contêm spoilers)

A história de A Certain Sacrifice se passa nos subúrbios de New York. 

Madonna é Bruna, uma mulher que mora com 3 escravos sexuais, um homem, uma mulher e uma mulher trans. Jeremy Pattnosh é Dashiell, um homem entediado com a vida que conhece Bruna em um bebedouro e se apaixonam. 

Algum tempo depois Bruna confessa a Dashiell que vive com os 3 escravos e decide livrar-se deles. Porém eles acabam atacando-a na polêmica cena de topless. Piorando a situação de Bruna, ela é estuprada em um banheiro de cafeteria por Raymond (papel deCharles Kurtz).

Buscando vingança. Bruna chama seus escravos e Dashiell e sequestram Raymond. Ele é levado para um teatro abandonado onde é sacrificado em um tipo de ritual. Dashiell limpa o sangue de Raymond no corpo de Bruna.







sexta-feira, 22 de abril de 2022

Writer's Demos




Mais uma postagem cheia de curiosidade sobre demos.
Na maioria dos casos quem grava as demos são os próprios artistas, que passam por diversas etapas até o música estar finalmente pronta mas em alguns casos quando a música é composta por outra pessoa, o próprio compositor pode gravar ou pedir para alguém gravar. 

A maior parte da discografia de Madonna é autoral mas em alguns poucos casos pode ter a letra original de outra pessoa e o toque pessoal de Madonna, que pode mudar a estrutura da música, mudar versos ou estrofes, excluir ou incluir versos. Por isso há vários compositores em diversas músicas. É um trabalho em conjunto e vocês ouvirão coisas diferentes.

HOLIDAY SHARE reúne todas as demos legítimas que foram gravadas pelos compositores que vazaram nesses últimos anos. De Like A Virgin a God Control. Essa não é uma coletânea de covers. 

Crazy For You em sua versão demo é uma música country na essência.
William Orbit e suas demos são muito curiosas. 
Stop é a versão original escrita por Joe Henry (cunhado de Madonna) de Don't Tell Me, ele a lançou em sua album Scar de 2001. Joe comentou que "ele gravou um tango e Madonna gravou um hit".

Pharrel William aparece em 4 demos para Hard Candy. Turn Up The Radio e Revolver já eram demos conhecidas antes de Madonna dar o seu toque nelas. 
God Control é a mais recente e polêmica, Casey Spooner alega ter parte na letra e não ter sido creditado em Madame X.

As demos que aparecem "snippet" são apenas pequenos trechos que vazaram.


Like A Virgin (Tom Kelly & Billy Steinberg Writer's Demo)
Crazy For You (Jon Lind Writer's Demo) 
Open Your Heart (Peter Rafelson Writer's Demo) 
Spotlight (Curtis Hudson & Lisa Stevens Writer's Demo) (Snippet)
I Always Get My Man ('Sooner Or Later' Stephen Sondheim Writer's Demo)
The Other Side ('Swim' Susannah Melvoin Writer's Demo)
Zephyr ('Ray Of Light' Christine Leach Writer's Demo)
Throb the Oceans ('Candy Perfume Girl' Susannah Melvoin Writer's Demo)
Stop (Joe Henry Writer's Demo)
Silly Thing (Nothing Fails Guy Sigsworth & Jem Griffiths Writer's Demo)
Heartbeat (Pharrell Williams' Writer's Demo)
Incredible (Pharrell Writer's Demo 2007-09-16) 
Ring My Bell (Pharrell Writer's Demo 2007-03-03)
Spanish Lesson (Pharrell Writer's Demo 2007-04-09)
Revolver (ReVaughn & Jackie Boyz Writer's Demo) 
Girl Gone Wild (Rosette Writer's Demo)
Bang Bang (Priscilla Renea Writer's Demo)
Turn Up The Radio (Sunday Girl Writer's Demo)
Give Me All Your Love (Writer's Demo) (Snippet)
Some Girls (Bebe Rexha & Teddybears Writer's Demo)
Sinner (Jean-Baptiste Writer's Demo)
Love Spent (Priscilla Renea Writer's Demo)
Falling Free (Laurie Mayer 'Hybrid' Writer's Demo) 
Falling Free (Laurie Mayer Writer's Demo)
Hold Tight (MNEK Writer's Demo)
God Control (Casey Spooner Writer's Demo) (Snippet)




quarta-feira, 20 de abril de 2022

MLVC (Music Love Vision Courage) Lounge

 


MLVC, todos conhecemos essa sigla mas tem muito mais do que sabemos:

Music

Love

Vision

Courage

Tudo isso não descreve Madonna?

Meus amigos Mary e Dubtronic produziram em conjunto esse album e não é necessário dizer que MLVC: Lounge é um album necessário para sua coleção.

São 16 remixes inéditos de músicas de todas as eras de Madonna, Live To Tell, One More Chance, Frozen, Nobody's Perfect até a mais recente Crave.

Os remixers nos dão remixes maravilhosos, Dubtronic, Donny, Lukesavant, Dens54, Marco Sartori entre outros. 


Geralmente remixes para baladas nem sempre funcionam bem mas The Power Of Goodbye, produzido por Material Boi (nome inédito no blog) é maravilhoso, o mesmo acontece para o remix para This Used To Be My Playground produzido por Mission Groove.

Dubtronic resgatou Nobody's Perfect e entregou um remix incrível! Donny aproveitou os vocais da cover de I Feel Love (de Donna Summer) e produziu mais um remix maravilhoso. Lukesavant leva Holy Water para os anos 80s.

Fazia muito tempo que Dens54 não lançava nenhum remix para Madonna e agora retorna com I'd Rather Be Your Lover. Marco Sartori produziu o encontro de One More Chance com I Want You e o resultado é belíssimo, coerente. 

Os demais remixes? Ótimos, baixe agora essa super produção. 


E que arte belíssima produzida por Driekus Chatelain, seguindo a proposta do album. A arte completa está no link.

Madonna é dance, Madonna é balada, Madonna definitivamente é lounge também. 

Mary and Dubtronic, what a special album, thanks. Thank you dear remixers, you rock.


MEGA 


quinta-feira, 14 de abril de 2022

WORLD PREMIÈRE: Joan Of Arc (DONNY's Empowerment Mix)

 


Joan Of Arc é uma das melhores músicas do album Rebel Heart, Madonna comenta sobre como as palavras machucam mas se temos alguém por perto que nos ama e nos dá força, tudo está bem. Joan Of Arc apresenta vocais suaves mas firmes e o tema nos remete a Drowned World / Substitute For Love. 

Uma música que deveria ter sido single, concordam?

Como um presente de Páscoa, DONNY & HOLIDAY SHARE prepararam esse post especial. O lançamento mundial de Joan Of Arc (DONNY's Empowerment Mix), um remix sensível, lounge e muito bem produzido por Donny, como sempre. A versão edit também está no link. 

Outro fato interessante é Joan Of Arc (DONNY's Empowerment Mix) é o primeiro remix de Donny em 2022, que venham muitos. 

Feliz Páscoa para todos, continuem nos seguindo no instagram @madonnaholidayshare

MEGA 

terça-feira, 12 de abril de 2022

Quantas demos de músicas inéditas conhecemos?

Siga o HOLIDAY SHARE no Instagram @madonnaholidayshare

Ao longo de 40 anos de carreira Madonna gravou muito material e alguns deles acabaram vazando no decorrer dos anos. HOLIDAY SHARE apresenta nessa lista o título de todas as demos de músicas inéditas que vazaram, algumas são covers enquanto algumas delas foram cedidas a outros artistas para gravarem.  Apenas os títulos estão na lista, as versões das demos não foram incluídas, por exemplo Goodbye To innocence tem 4 versões demo.

Estão presentes também as demos de músicas lançadas oficialmente que tem letras diferentes ou adicionais. As demos de Madonna e suas bandas não estão presentes nessa lista exceto as que serviram de base para faixas lançadas. As demos que são cantadas pelos compositores ou outros serão compiladas em outra lista.

Alguns títulos eram do conhecimento dos fãs tais como Arioso e Never Love A Stranger, outros como Funny Game, Across The Sky e Cool Song foram grandes surpresas. Muitos outros títulos são do conhecimento geral como Pipeline, React e Warning Signs, que continuam não sendo lançados ou vazados. Talvez com os relançamentos que Madonna e Warner planejam fazer, essas preciosidades conheçam a luz do dia.

Atenção na legenda:

* demo com letras adicionais ou diferentes

** segundos foram usados no comercial Takara June, nunca vazou completa mas por se tratar de música inédita está na lista

*# demo não oficial mas inclusa nessa lista por conter letras adicionais com vocais legítimos

 


LIKE A VIRGIN

Don't You Know (demo de Stay) *

Stay '81 (demo de Stay) *

Everybody '81 *

 


TRUE BLUE

Each Time You Break My Heart (gravada por Nick Kamen)

 


LIKE A PRAYER

Angels With Dirty Faces

 

EROTICA

Bye Bye Baby *

Shame

You Are The One

Actions Speak Louder Than Words (demo de Words) *

Straight Pass (demo de Goodbye To Innoncence) *

Goodbye To Innocence (Madonna's Private Full Album Tape, não está na The Rain Tapes) *

Thief Of Hearts (Madonna's Private Full Album Tape, não está na The Rain Tapes) *

Jitterburg

Erotica (Final Demo)(a conhecida como You Thrill Me) *

Love Hurts (demo de Erotica) *

Dear Father

 

BEDTIME STORIES

I'd Rather Be Your Lover (demo com Tupac) *

Love Won't Wait (gravada por Gary Barlow)

 

SOMETHING TO REMEMBER

I Can't Forget (gravada por Angelica DiCastro)

Broken (Indian Summer)**

 


RAY OF LIGHT

Revenge

Like A Flower (gravada por Laura Pausini)

Gone Gone Gone

Be Careful *

Frozen *

You'll Stay

Never Love A Stranger

No Substitute For Love (demo de Drowned World) *

I'll Be Gone

Has To Be *

Flirtation Dance (demo de Skin) *

 

MUSIC

Music *#

Stop (gravado por Joe Henry, base para Don't Tell Me)

Liquid Love

Run

Like An Angel Passing Through My Room (cover de Abba)

Little Girl / La Petite June File

Arioso

 

AMERICAN LIFE / MUSICAL PROJECTS

Miss You

Set The Right

The Game

Is This Love

I'm In Love With Love

Boum (cover de Charles Trenet)

If You Go Away (cover de Jacques Brel)

Cool Song

 


CONFESSIONS ON A DANCEFLOOR

History (Land Of The Free) (demo de History) *

Keep The Trance

Triggering

Sorry *

Funny Game (demo de Superpop) *

 

HARD CANDY

Across The Sky

Animal

The Beat Goes On *

The Beat Is So Crazy / Feeling So Crazy

Latte

Infinity (demo de Give It 2 Me) *

 


MDNA

Bang Bang (demo de Gang Bang) *

 

REBEL HEART

Joan Of Arc *

Alone With You

Freedom

God Is Love

Nothing Last Forever

Revolution

Queen

Score

Heartbreak City *

Best Night *

Heaven

Take A Day

Take It Back

Two Steps Behind Me

Never Let You Go

Tragic Girl

Trust No Bitch

Back That Up (Do It) (demo de Back That Up To The Beat)

 

OUTROS

Highlights (Kanye West)

 

quarta-feira, 6 de abril de 2022

REMIXOLOGY: Medellín


Madonna e a cultura Latina é o tipo de conexão que sempre é empolgante e em Madonna X, a diva se junta a sensação do reggaeton Maluma.

Medellín é a cidade que Maluma nasceu e durante a música Maluma cita Detroit.

O lead single divide opiniões de fãs e crítica. A música só funciona nas partes de Maluma enquanto as partes com a diva são paradas demais, seria Maluma feat. Madonna? 

Enquanto a música não empolga muito, o vídeo chama atenção, a química entre os dois é incrível. A produção é gigantesca e alimentou ainda mais o desejo dos fãs de um álbum visual que não aconteceu. Tudo nesse vídeo parece que haverá continuação, o que também nunca aconteceu. O que houve com Madonna X após o casamento? Como ela perdeu o olho? 

Medellín teve performance especial no Billboard Music Awards em 2019 incluindo efeitos digitais de realidade aumentada, tínhamos 5 Madonnas no palco. Posteriormente Madonna incluiu Medellín no Madame X Tour.

Medellín 8

Medellín (Erick Morillo Remix) 5

Medellín (DJLW & John Christian Radio) 10

Medellín (DJLW & John Christian Remix) 10

Medellín (Erick Morillo Edit) 5

Medellín (Erick Morillo Instrumental) 5

Medellín (LA95 Dancefloor Legend X Instrumental) 5

Medellín (LA95 Remix) 8

Medellín (LA95 Dancefloor Legend X Remix) 6

Medellín (LA95 Instrumental) 8

Medellín (Offer Nissim Madame X In The Sphinx) (No Intro) 8

Medellín (Offer Nissim Madame X In The Sphinx) 8

Medellín (Radio Edit - France) 9

Medellín (Robbie Rivera Vocal Mix) 10

Medellín (Radio Edit - UK) 9

Medellín (Offer Nissim Set Me Free Remix) 10

Medellín (Robbie Rivera Juicy Mix) 10

Medellín (Robbie Rivera Juicy Edit) 9

Medellín (Robbie Rivera Vocal Edit Mix) 10

Medellín (Sak Noel Remix 105 BPM) 9

Medellín (Sak Noel Remix 120 BPM) 9

Capa: Stephanie

segunda-feira, 4 de abril de 2022

Merci Idaho


Ontem bem de manhã descobri que Jean Michel, o talento Idaho havia falecido 
dias atrás devido a um ataque cardíaco.

Antes mesmo do blog existir a equipe de HOLIDAY SHARE já seguiu o trabalho primoroso de Idaho. Seus remixes sempre vinham "embalados" em artes incríveis produzidas por ele que era design gráfico. Artes sempre vibrantes, de Madonna medusa a biscoitos de Madonna, Idaho sempre foi muito criativo.

Além de Madonna, ele produziu remixes para Lady Gaga, Goldfrapp e Mylène Farmer,
 outra paixão dele.

Em 2011 tivemos uma entrevista exclusiva com ele em preparação para a coletânea Hey MR. DJ: Idaho. Na época ele comentou sobre um novo EP de remixes que estava produzindo, Step 2 The Beat. Quando foi lançado o EP, que surpresa! O EP era dedicado ao Inco. O link da entrevista está no final da postagem.

Além do super talento com artes e remixes, Idaho era um homem atencioso e muito querido.

Anos atrás ele começou um projeto exclusivo com o HOLIDAY SHARE para compartilhar antigos e novos remixes, todo o trackllist era escolhido por ele próprio assim como a arte belíssima que ele produzia. O projeto ficou inacabado infelizmente, foram 8 albuns, e não iremos dar continuidade para não fazer menos do que ele faria, sua identidade permanece dentro do mundo madônnico.

Merci Idaho

Os links abaixo é do projeto entre Idaho e HOLIDAY SHARE, todos os links estão funcionando. Muito outros albuns estão disponíveis no blog também.



















 

sexta-feira, 1 de abril de 2022

REMIXOLOGY: Crave

 


Depois dessa artigo, siga nosso Instagram: @madonnaholidayshare

Demoramos para curtir Crave e hoje ela já está no nosso Top 5 de Madame X.

Crave é o mais pop que Madame X ofereceu aos fãs. Esse dueto, cheio de jovialidade e romance é maravilhoso, essa música deveria ser um hit! 

O vídeo é belíssimo, inventaram a máquina do tempo e a Madonna de Borderline foi trazida para o set de Crave, tanto em juventude como beleza. Melhor vídeo da era. 

Infelizmente a performance de Crave ficou de fora da montagem final e lançada da Madame X Tour.

Curiosamente existe uma versão edit, apenas com Madonna, enviada para a rádio AC.

Crave 10

Crave (Solo Radio Edit) 10

Crave (Benny Benassi & BB Team Dub) 9

Crave (Benny Benassi & BB Team Edit) 9

Crave (Benny Benassi & BB Team Instrumental) 9

Crave (Benny Benassi & BB Team Remix) 10

Crave (Boris Remix) 8

Crave (Dan De Leon & Anthony Griego Massive Dub Mix)7

Crave (Dan De Leon & Anthony Griego Remix) 7

Crave (DJLW Remix)7

Crave (Joe Gauthreaux & Leanh Instrumental) 5

Crave (Joe Gauthreaux & Leanh Radio Edit)7

Crave (Joe Gauthreaux & Leanh Remix)8

Crave (Mike Cruz Club Mix) 6

Crave (Mike Cruz Dub Mix) 5

Crave (Mike Cruz Radio Mix)7

Crave (MNEK Remix) 8

Crave (Otto Benson Remix) 8

Crave (RNG Club Mix)9

Crave (RNG Radio Edit)8

Crave (Thomas Gold Extended Remix)9

Crave (Thomas Gold Radio Edit) 9

Crave (Tracy Young Dangerous Dub Mix)9

Crave (Tracy Young Dangerous Extended Remix)9

Crave (Tracy Young Dangerous Radio Remix)10

Crave (Twisted Dee & Diego Fernandez Mix) 8

Capa: Les Mak

quinta-feira, 31 de março de 2022

REMIXOLOGY: I Rise


Madame X divide as opiniões dos fãs, amam e odeiam mas Madonna está ativa e isso é o que importa mais. 

Entre as faixas de Madame X, I Rise ganhou atenção, primeiramente por conter logo no início parte de um discurso da ativista Emma González. Primeiramente pensamos que era a própria Madonna, felizmente temos versões editadas dessa música sem esse início brusco e estridente.

As letras discorrem sobre vencer as dificuldades atuais, empoderamento e virou hino para diversas bandeiras. Madonna comentou que com I Rise ela queria dar voz àqueles que se sentem marginalizados e que não tem oportunidade de falarem.

Armas também é um tema recorrente na música, God Control também usa o mesmo tema de maneira mais explícita. O que é repetido também é a citação de Jean-Paul Sartre "freedom's what you choose to do with what's been done to you", sim, você já ouviu essa letra em outra música de Madonna, precisamente na demo Freedom, descarte das sessões de Rebel Heart. I Rise se encaixa perfeitamente na temática Revolution Of Love apresentada anos atrás e que com as demos de Rebel Heart poderia ter sido lançado um EP para esse movimento que ela começou. Voltando a I Rise ...

Um video promocional foi produzida em parceria com a Time Studios, dirigido por Peter Matkiwsky e lançado em 19 de Junho de 2019.  Não temos Madonna no vídeo apenas um mix de imagens de protestos de diversas bandeiras. Já vimos isso no interlude Sorry de Confessions Tour e no interlude Get Stupid da Sticky & Sweet Tour. 

I Rise foi lançada como single promocional e ganhou diversos remixes incluindo Tracy Young's Pride Intro Radio Remix, que ganhou o Grammy Awards como melhor remix em 2020, seguindo a premissa da canção, Tracy Young se tornou a primeira mulher a ganhar esse prêmio.

I Rise foi o ato de encerramento da Madame X Tour, Madonna nunca esteve tão próxima dos fãs como esteve ao cantar essa faixa, literalmente no meio do público. 

I Rise 8

I Rise (Country Club Martini Crew Dub) 7

I Rise (Country Club Martini Crew Radio Edit) 9

I Rise (Country Club Martini Crew Remix) 7

I Rise (Daybreakers Dub) 10

I Rise (Daybreakers Radio Edit) 10

I Rise (Daybreakers Remix) 10

I Rise (Dinaire & Bissen Dub) 10

I Rise (Dinaire & Bissen Remix) 10

I Rise (DJ Irene & the Alliance Remix) 10

I Rise (DJLW Remix) 10

I Rise (Drew G Remix) 8

I Rise (Instrumental) Vinyl Rip 10

I Rise (Kue Drops The Funk Remix - Radio Edit) 8

I Rise (Kue Drops The Funk Remix) 8

I Rise (Offer Nissim Remix) 9

I Rise (Thomas Gold Extended Club Mix) 7

I Rise (Thomas Gold Radio) 8

I Rise (Thomas Gold Remix) 07

I Rise (Tracy Young's Pride Dub) 8

I Rise (Tracy Young's Pride Extended Remix) 8

I Rise (Tracy Young's Pride Intro Radio Remix) 8

I Rise (Twisted Dee & Diego Fernandez Mix) 8

I Rise (Twisted Dee & Diego Fernandez Radio Edit) 9

Capa: Aldo Diaz